Mensagem de Hoje do Missionário

A SUBMISSÃO DO PERSEGUIDOR - 23/01/2020

E ele, tremendo e atônito, disse: Senhor, que queres que faça? E disse-lhe o Senhor: Levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te convém fazer. 

Atos 9.6

 

Quando Saulo se viu cercado pelo resplendor da glória de Deus, ele sabia que aquilo vinha do Todo-Poderoso. Ao ser chamado pelo nome, tinha a certeza de que a voz não era do inimigo, e sim do Senhor. O recado era duro demais para Saulo achar que Deus Se enganara a seu respeito; afinal, ele estava errado em perseguir os que amavam a Jesus. Então, perguntou quem era, e a resposta o venceu.

Era um acerto de contas entre a verdade e o engano que habitava o seu coração. Atônito, Saulo não parava de tremer. Então, rendeu-se ao Altíssimo, perguntando como devia proceder. Não foi fácil se encontrar com Deus daquele jeito. A visão de Moisés foi tão terrível, que ele ficou assombrado (Hb 12.21); a de Saulo não foi diferente, pois a luz que o cercou cegou os seus olhos. Que queres que faça, ele perguntou.

A verdadeira conversão a Deus não vem por apelos sentimentais, nos quais a pessoa levanta a mão, e o pregador diz que ela está salva. De cem pessoas que fazem isso, ao menos, 90% não volta aos cultos. Para mim, o erro é nosso, porque não temos entendido o que fazemos. Será falta de poder, ou do encontro com Deus que nunca tivemos? Estamos pregando o Evangelho, ou promovendo a nossa igreja? Temos de pensar nisso!

Saulo teve de cair por terra para perder a presunção, o orgulho e os demais desvios que a sua alma religiosa tinha preferido. Mesmo tendo o desejo de servir a Deus, o homem por si só jamais conseguirá fazer o que é bom. Sem Jesus, nada podemos fazer, por isso precisamos estar aos pés do Senhor continuamente. No chão, Saulo viu que não era nada sem a ajuda divina. Assim, clamou para que lhe fosse dito o que fazer. Clame também!

Na Antiga Aliança, quando não se podia manter contato pessoal com Deus, o homem subia o monte, ou ia para os desertos. Porém, após Cristo ter vencido o diabo, a Saulo foi dito que entrasse na cidade, onde tudo acontece, e fosse para o lugar que lhe estava reservado. Ali, ele receberia instruções. Não fuja dos problemas; enfrente-os sob a direção do Senhor.

Deus não precisa que você se refugie das tentações, e sim que as enfrente, porque, pelo poder dEle, a vitória virá. Quando o Senhor alcança a sua vida, Ele o transforma de perseguidor, fraco e maldoso em uma pessoa destemida, forte e boa. Assim, você tem condições de dar o exemplo de que a luz é maior que as trevas, e o amor é mais forte do que a morte. Com Cristo, você é mais que vencedor. Creia!

Saulo foi para a casa de um tal Judas, talvez uma hospedaria, onde ficaria se não tivesse tido o encontro com Deus. Lá, ele permaneceu em oração e jejum, à espera do socorro do Senhor. O Pai celestial o deixou lá por três dias, assim como deixou Seu próprio Filho no sepulcro. Ele orava e se limpava, e Deus trabalhava. Depois, recebeu poder do Alto!

Em Cristo, com amor,

R. R. Soares

ORAÇÃO DE HOJE
 

RECEBA AS MENSAGENS EM SEU E-MAIL